quinta-feira, 1 de julho de 2010

Então por que ?

Já procurei em canções , em poemas , em livros , cartas ...
No céu , nas núvens . nas flores , montanhas .
Procurei em mim , procurei em outros , procurei por baixo da cama , procurei do lado do sofá , procurei dentro de coisas , procurei aonde meus olhos podiam e não podiam enxergar .
Perguntei o por que , quuiz saber a razão , questionei e tentei descobrir , mais não .. não tive respostas .
Até que me veio a pergunta certa , talvez assim poderia achar a reposta que combinasse :

" Por que me quer tanto assim "

Eu não sigo as 'regras' , eu não falo contigo todos os dias , sei que por ser sua filha , eu teria que no minimo manter uma convivencia normal , teria de falar bom dia , ou mesmo conversar por horas a fio como faço com muitos ... mais não consigo , e sei que isso deve ser pecado ... Mais eu te peço agora , me responde , por que ainda me ajuda ? Por que ainda me deixa respirar ? Por que todos os dias prepara um amanhecer tão claro e amarelo e permite que eu o veja ? Por que deixa que o vento bagunçe meus cabelos pela manhã ? Por que ?
Por que me ainda permite que eu possa contemplar os passaros a cantar , ou mesmo assistir o pôr-do-sol ...

Me sinto constrangida , teu amor é inconparável .
E se puder ao menos me dizer , o simples por que de tanto amor , poderei tentar agradecer , sejá lá como for !

Um comentário: